Um a cada quatro adultos são afetado por hipertensão no Brasil

A hipertensão arterial, ou “pressão alta” como é conhecida, afeta aproximadamente uma pessoa a cada quatro adultos no Brasil.

Postado há 19 dias na categoria Notícias

A hipertensão arterial, ou “pressão alta” como é conhecida, afeta aproximadamente uma pessoa a cada quatro adultos no Brasil. Isso acontece quando a pressão para bombear o sangue ultrapassa os limites médios e começa a exigir maior esforço do coração para realizar esse bombeamento. Essa complicação pode prejudicar o coração, os rins, os olhos e o cérebro. Apesar de gerar diversos problemas de saúde, a pressão alta pode ser combatida por meio de hábitos de vida mais saudáveis, como explica Eduardo Nilson, que é coordenador substituto de Alimentação e Nutrição do Ministério da Saúde.

“Os principais fatores de risco para todas as doenças crônicas, incluindo a hipertensão, são a dieta inadequada que incluem nesse caso o sódio, gorduras e açúcar; a questão da atividade física, no caso o sedentarismo sendo grande fator de risco na atividade física; o tabagismo que tem também influencia na questão da pressão arterial e não só na questão de risco de câncer de pulmão e os cânceres; e por fim, o próprio consumo de álcool que também tem, além das doenças hepáticas, doença do fígado, tem também fator de risco para hipertensão arterial”.

Na rede de saúde pública, os pacientes com hipertensão são atendidos por equipes de saúde da família, e acordo com a gravidade da doença, por meio de consultas individuais com médicos, enfermeiros e outros profissionais de saúde da atenção básica e especializada. Além disso, o SUS oferece tratamento gratuitamente com medicamentos nas Unidades Básicas de Saúde e pelas mais de 31 mil unidades farmacêuticas credenciadas ao programa Farmácia Popular. 

Reportagem: Janary Bastos Damacena  

Comentários